segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Docente da FEUC ganha Prémio da Academia de Marinha Almirante Sarmento Rodrigues

Logotipo Prémio da Academia de Marinha Almirante Sarmento Rodriguesfoi recentemente atribuído ex-aequo a Álvaro Garrido, docente da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, pelo livroHenrique Tenreiro - Uma Biografia Política, ed. Temas e Debates/Círculo de Leitores, 2009.


Este prémio bienal distingue os melhores trabalhos publicados em Portugal na área abrangente dos estudos marítimos e tem o valor de 5000€.

domingo, 27 de dezembro de 2009

INQUÉRITOS PEDAGÓGICOS

Encontram-se disponíveis, no woc, os resultados do inquérito aos estudantes realizado no final do 2º semestre do ano lectivo 08/09.

Já se encontra, também, disponível para preenchimento o inquérito relativo ao 1º semestre deste ano.

Mais informações em https://woc.uc.pt/feuc/event/dataNews.do?elementId=1082 ou através de nes_aac@live.com.pt

A SUA OPINIÃO É ESSENCIAL!

Rescaldo...

Pois bem, 2009 está a chegar ao fim, mas antes de entrarmos em 2010, não podemos deixar de fazer o rescaldo dos 6 primeiros meses de actividade da actual direcção do NES/AAC.

Para que tal seja possível precisamos da vossa ajuda.

Enviem comentários, mail's, o que acharem mais conveniente, mas façam-no e digam-nos o que correr bem e o que correu mal, pois segundo o resultado da sondagem que decorreu até a semana passada, concluímos que as coisas não correram muito bem.

Para percebermos o que se passou e o que deve ser feito POR FAVOR digam-nos a vossa opinião.

Estamos receptivos a sugestões, críticas, reclamações, ..., tentaremos dar respostas a tod@s os que nos contactarem.

Formas de contacto: comentário a este post e via e-mail: nes_aac@live.com.pt .

Em ultimo caso, se for da vossa preferência podem sempre marcar uma reunião com a direcção e esclareceremos todas as vossas dúvidas. A marcação desta reunião deverá ser feita por e-mail.

Sem mais de momento e com votos de continuação de Boas Festas

A direcção do NES/AAC

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Feliz Natal!!!!!








O NES/AAC vem por este meio desejar a todos um Feliz Natal!!!!






A Direcção do NES/AAC

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Avaliação

Car@s colegas,

Agora que estamos a chegar ao fim do primeiro semestre, a actual direcção do NES/AAC gostaria de contar com a tua opinião sobre o seu desempenho.
Podes fazê-lo de duas formas, respondendo à sondagem, aqui ao lado, ou enviando um comentário ou e-mail com a tua opinião e ou sugestões para o segundo semestre.

Liga-te ao NES e participa, sem ti, aluno de sociologia, nós não existiríamos e é para ti que tentamos dar o nosso melhor.

Deixa a tua opinião e ajuda o NES/AAC a crescer em direcção aos teus objectivos!!!!!

Saudações académicas

“El Mundo” sugere visita a Coimbra

Ontem

JN

Cidade dos estudantes em destaque numa fotogaleria do jornal espanhol.

A "viagem” começa por destacar a importância dos estudantes e do fado. “Coimbra tem mais encanto na hora da despedida”, confirma o jornal "El Mundo", porque “a essência desta bela cidade portuguesa está nos universitários, com os seus encantos e tradições académicas” e porque “as suas ruas sinuosas e cheias de lendas causam uma sensação de melancolia” que, depois de partir, faz apetecer regressar.

Há imagens da universidade, dos casarios da cidade, do rio Mondego, das ruínas de Conímbriga, de fadistas e estudantes com capas negras, assim como da festa da Queima das Fitas.

A Quinta das Lágrimas é ladeada de um texto sobre a lenda apaixonada e trágica do amor de Pedro e Inês.

Mas também há fotografia do recente e moderno Parque Verde do Mondego que convida a população e os visitantes a desfrutarem da beleza do rio.


http://jn.sapo.pt/paginainicial/pais/concelho.aspx?Distrito=Coimbra&Concelho=Coimbra&Option=Interior&content_id=1447044

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Inscrições

INSCRIÇÕES NOS EXAMES - ÉPOCA NORMAL

1º SEMESTRE / 2009-10 (4 a 25 de Janeiro de 2010)

INSCRIÇÃO PELA INTERNET

https://sinex.fe.uc.pt/sinex.php

As inscrições estão abertas em permanência de 09 de Dezembro até 3 dias úteis (exclusive) antes da data de realização do exame.

(Regulamento Pedagógico da Universidade de Coimbra , Artigo 5º, nº 7)

Exemplos:

- Exame na 3ª feira » último dia de inscrição: 4ª feira da semana anterior

- Exame na 6ª feira » último dia de inscrição: 2ª feira da mesma semana

PARA ALUNOS:

- Licenciaturas

- Mestrados de Fileira

- Mestrado em Intervenção Social, Inovação e Empreendedorismo

ATENÇÃO:

» Deve utilizar o login de acesso à WoC.

» Se tem um número de estudante com 10 dígitos, por favor, não se esqueça de activar a sua conta de e-mail (WoC).

» A não inscrição num exame implica o impedimento da sua realização.

(Regulamento Pedagógico da Universidade de Coimbra , Artigo 12º, nº 3)

» A FEUC não se responsabiliza por quaisquer problemas técnicos nas inscrições ocorridos entre as 17.30 e as 9:00.

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

TORNEIO DE POKER

Regras Torneio de Poker

Inscrição: 5 euros

Re-buy e add-on na primeira hora do torneio.
Fichas: 2500 Re-Buy: 2500 Add-On: 3000
Blinds: sobem a cada 20 min.

Por cada hora de torneio haverão 5 minutos de pausa.
Prémios são em géneros e variam consoante o pote do torneio
Lugares Pagos: variam consoante o número de pessoas no torneio sendo o máximo 60 jogadores.
Local: Sala A das Cantinas dos grelhados ao lado da porta giratória dia 9 e 10 de Dezembro a partir das 19:00h!

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

A pedido de um dos nossos seguidores!!!!!!


Saúde@Dei é um evento inserido na disciplina de Processos de Gestão e Inovação da Licenciatura em Engenharia Informática da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra, do qual fazem parte os alunos Daniel Marcos, Jorge Vicente, Nuno Escada e Tiago Santiago.

Com este evento pretendemos explorar o conceito de Health 2.0.

Este vai-se realizar na tarde de 24 de Novembro de 2009 no Anfiteatro B1 do Departamento de Engenharia Informática.

Contamos com oradores conceituados na área da Health 2.0 que nos vão mostrar a importância deste conceito bem como as suas áreas de actuação.

Esperamos por ti.


A Internet e as Novas Tecnologias já criaram um “Boom” em praticamente todas as áreas. Agora é a vez da área da Saúde. Health 2.0 é o conceito usado para descrever Saúde e Tecnologia Informática a trabalhar em conjunto. Health 2.0 visa a criar um Mundo onde será possível obter informações clínicas a partir de qualquer lugar, sem necessariamente estar presente, pelo menos fisicamente, num hospital. Já sonharam ir a uma consulta onde não seria preciso esperar várias horas para serem atendidos por um médico ?



quarta-feira, 18 de novembro de 2009

Acção de sensibilização sobre "A Igualdade de Género na União Europeia"
















Esta acção destina-se a todos os estudantes universitários.

A inscrição é gratuita, apenas tens de a realizar até dia 24 de Novembro às 12h na Sape, piso 1 do bloco de ensino. Necessitas apenas de trazer uma cópia do BI e do NIF.

Tem a duração de apenas 1h e dá-te certificado.

Estás à espera de quê para fazeres a tua inscrição????

Para mais informações podes sempre mandar-nos um mail para nes_aac@live.com.pt ou então via telemóvel para o 916499088

Vem e traz os teus amigos!!!!

Estudantes recebidos por Mariano Gago

Quarta, 18 de Novembro de 2009

por Rafaela Carvalho

Manifestação de estudantes do ensino superior salda-se em promessas de Mariano Gago para alterar sistema de atribuição de bolsas~


Estima-se em mais de dois mil o número de estudantes que se reuniu esta tarde, 17, em Lisboa para marchar da Cidade Universitária ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.

A comitiva conimbricense saiu da cidade às 12h30 e chegou a Lisboa três horas depois para se reunir aos estudantes das restantes académicas do país.

A “Marcha pelo Ensino Superior” teve então início, pouco passava das 16h00. No percurso os gritos de protesto fizeram-se ouvir. “Não! Não! Não à privatização!”, “Propinas e Bolonha: é tudo uma vergonha” e “A propina dói”, foram algumas das palavras de ordem mais repetidas. Sem descurar o tradicional “Estudantes unidos jamais serão vencidos”.

No aglomerado estudantil saltavam à vista os diversos cartazes e faixas, em especial a grande lona da Associação Académica de Coimbra onde se lia em letras garrafais “Não somos contra! Somos por... mais e melhor acção social, mais financiamento e um Ensino Superior de qualidade!”. Na frente da manifestação seguia a Universidade de Lisboa com uma faixa que clamava: “Por uma acção social mais justa”.

A maioria dos estudantes contava com menor representatividade e ficaram supreendidos pela positiva, mas, como admite Sónia Magalhães da Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa: “tem que haver mais iniciativas destas”.

Entre os estudantes universitários nacionais a Estudantina da Universidade de Coimbra animava as hostes com temas de intervenção e uma caixa multibanco, a quem Diogo Silva da Universidade do Porto dava a pele, queixava-se contra os empréstimos do governo.

Chegada ao Palácio das Laranjeiras

Às 17h20 os manifestantes chegaram ao seu destino. Os dirigentes associativos das nove académicas representadas foram recebidos pelo ministro da tutela, Mariano Gago, e o secretário de Estado, Manuel Heitor, enquanto os restantes estudantes se mantiveram junto ao portão entoando os cânticos de protesto que marcaram toda a tarde.

Às 20h00 os dirigentes comunicaram aos protestantes com os resultados da reunião. O presidente da direcção-geral da Associação Académica da Universidade do Minho, Pedro Soares, referiu que o ministério admitiu “abertura em melhorar o sistema de bolsas”, mas não deixou de afirmar que a “acção não pode ficar por aqui”.

Com gritos de “Estudantes unidos jamais serão vencidos!” e um F-R-A simbólico, a comitiva abandonou as imediações do Palácio das Laranjeiras.

http://www.acabra.net/artigos/estudantes-recebidos-por-mariano-gago


quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Oferta de Estágio de 2 semanas na Câmara Municipal de Coimbra

No âmbito do Sistema de Gestão da Qualidade, o Município de Coimbra está a desenvolver um processo de Auscultação aos Clientes/Munícipes (trata-se de um processo de audição aos utilizadores dos serviços certificados para a Qualidade). Neste contexto, disponibilizam-se 10 lugares de estágio, no Gabinete da Qualidade, durante duas semanas. Estes estágios terão três componentes: formaçao (21 horas), conhecimento dos serviços, preparação e aplicação de inquéritos aos clientes.

A aplicação dos inquéritos será efectuada, entre os dias 23 e 28 de Novembro, no horário das 08h30m às 17h 30m.
Os estagiários manterão sempre contacto directo com a assessora para a Qualidade e com técnicos séniores, que os orientarão. Aqueles que estiverem interessados em acompanhar os trabalhos posteriores, poderão manifestar essa vontade e equaciona-se um prolongamento do estágio.

Os estágios não são remunerados e decorrerão ao abrigo de protocolos existentes entra a CMC e a UC..

Para mais informações contactar a Professora Sílvia Portugal - sp@fe.uc.pt

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Universitários engrossam pedidos de apoio social

2009-11-09

NUNO MIGUEL ROPIO

Maiores universidades com mais candidatos a bolsas de estudo devido à crise económica.

O processo para a atribuição de bolsas da Acção Social no Ensino Superior, este ano lectivo, ainda não se concluiu, mas nas grandes universidades públicas aumentou o número de alunos que pretendem usufruir de tal apoio.

Só na Universidade de Lisboa estima-se que, no ano lectivo de 2009/2010, venha a ocorrer um aumento de cerca de 11%, quando em comparação com 2008/2009. Se no ano passado os bolseiros cifraram-se em 3053, com uma bolsa média de 194 euros mensais, este ano, ainda sem resultados finais, o número pode disparar para os 3400 e o valor mensal crescer 12%, fixando-se nos 218 euros.

"As universidades não são um mundo à parte. A realidade social e económica reflecte-se na vida dos estudantes e leva os mais carenciados a procurarem ajuda e a tentar obter bolsas", explicou, ao JN, Luís Fernandes, administrador dos Serviços de Acção Social da Universidade de Lisboa (SASUL). Tal cenário reflecte-se no montante final: de 5,9 milhões de euros, em 2008, para 7,5 milhões. Mais de 27% de aumento.

Tanto quanto aos pedidos de apoio como na atribuição de bolsas, a Universidade do Porto (UP) também não foge à regra. Segundo o porta-voz da instituição, Pedro Rocha, a subida na UP tem sido uma constante "nos últimos anos". "Em 2008, tivemos cerca de seis mil candidatos e atribuímos cerca de 4800 bolsas de estudo. Este ano, o processo de atribuição ainda não está concluído mas já constatámos que existiu um aumento de candidatos às bolsas, por isso é provável que o número de bolsas ultrapasse os 5 mil estudantes", disse.

Dados do Ministério do Ensino Superior, somente relativos ao ano de 2008, apontam para um universo de 73.500 bolseiros de Acção Social, no Ensino Superior público e privado, que não tem parado de aumentar. Daí que, a maioria das instituições tenha criado programas específicos e complementares de apoio [ler caixa ao lado], com verbas oriundas de receitas próprias ou de doações privadas.

"Quando se reforça o apoio que já está a ser dado ou se ajuda um aluno que nem sequer está abrangido pela bolsa, não se está a dar nada a que o aluno não tenha direito", frisou Amadeu Cardoso, responsável pela Acção Social da Universidade do Algarve, onde se registaram mais 100 candidaturas de alunos do 2º ao 5º ano. "Há uma pobreza envergonhada dentro do país, que a crise económica veio acentuar. Apesar de limitadas financeiramente, às universidades compete estudar a melhor forma para que os alunos não abandonem os estudos", acrescentou.

"Em Aveiro temos já 4002 candidatos. Em 2008, tivemos 3001 bolseiros. Mas este aumento deve-se, em parte, ao aumento que tivemos este ano de alunos na universidade", disse, por outro lado, Hélder Castanheira, administrador da mesma área, mas na Universidade de Aveiro, onde, desde há 10 anos, está em vigor um programa integrado de apoio social, que não se restringe à atribuição de bolsas.


http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=1414144

A Marcha pelo Ensino Superior, realiza-se no dia 17 de Novembro (Terça-feira).

Terá inicio na Cidade Universitária (Lisboa) e terminará no Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Lisboa).


A Marcha surge pela urgente necessidade de mais financiamento para o Ensino Superior e pelo reforço da Acção Social.

Cada dia que passa aumentam as reivindicações dos estudantes em todo mundo. Desde de Bolonha ao RJIES, a passar pelas Propinas, Acção Social e os sucessivos cortes orçamentais, os estudantes estão cada vez mais descontentes com o rumo que o Ensino está a tomar.

Em Portugal, a Acção Social é mais uma vez tema de noticias (ver aqui o JN). Face a crise económica e social sentida em todo o mundo, cada vez mais estudantes tem de recorrer a este apoio para poder continuar os seus estudos.

É urgente um intervenção activa por parte do Governo Português.

Mas esta acção não pode ser a sua desresponsabilização, como acontece actualmente com o incentivo aos empréstimos bancários e a "empregos" precários dentro das Instituições de Ensino. Estas medidas não são a solução.

O endividamento estudantes aumenta em paralelo com as dificuldades de empregabilidade.

"Quando se reforça o apoio que já está a ser dado ou se ajuda um aluno que nem sequer está abrangido pela bolsa, não se está a dar nada a que o aluno não tenha direito"(Amadeu Cardoso, responsável pela Acção Social da Universidade do Algarve)



Por isso, dia 17 de Novembro junta-te a Marcha pelo Ensino Superior...

- Por uma intervenção pública de urgência, que restabeleça o normal funcionamento das instituições de ensino superior público, assegurando o respeito pelos mais elementares compromissos financeiros de cada instituição, começando por salários e fornecimentos essenciais;
- Por um sistema de financiamento plurianual, idêntico ao que o ministro reserva às Fundações, capaz de garantir um planeamento adequado;
- Pela extinção do regime de propinas e a adopção de uma política de acção social escolar justa;
- Pelo restabelecimento da autonomia das instituições, constitucionalmente consagrada, que se encontra ameaçada pelos estrangulamentos financeiros e pelos impactos decorrentes da implementação do Regime Jurídico das Instituições de Ensino Superior;
- Pela promoção de um ensino superior público, tendencialmente gratuito, universal e de qualidade.
Saudações académicas,

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Ida a Lisboa aprovada

Quinta, 05 de Novembro de 2009

por Catarina Domingos

Na Assembleia Magna (AM) desta quarta-feira aprovou-se a moção de marcha pelo ensino superior, no próximo dia 17 de Novembro, entre a Cidade Universidade e o Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior.

Com a certeza de que a manutenção do ministro Mariano Gago à frente do ministério que tutela o ensino superior significa “continuidade nas políticas seguidas”, nas palavras do presidente da Direcção-Geral da Associação Académica de Coimbra (DG/AAC), Jorge Serrote, a unidade de opiniões marcou a discussão da análise da situação política e acções a desenvolver.

Recordando os principais problemas do ensino superior (ausência de financiamento, acção social, Regime Jurídico para as Instituições de Ensino Superior, Processo de Bolonha), o presidente da direcção-geral propôs a Marcha pelo Ensino Superior para dia 17 de Novembro entre a Cidade Universitária e o ministério.

“Nada de novo se espera deste governo”, criticou Sílvia Franklin, da Faculdade de Ciências e Tecnologia. A estudante apresentou uma moção dividida em três pontos, incluindo a realização de uma campanha com início do dia 10 de Novembro num encontro nos Jardins da AAC (ponto um), divulgação por flyers e sessões de financiamento e manifestação local no dia 17 de Novembro (ponto dois) e a realização de uma Assembleia Magna nesse mesmo dia (ponto três).

Na hora de votação, foi aprovada a ida a Lisboa (em alternativa ao ponto dois da moção de Silvia Franklin) e o ponto um da moção da estudante da faculdade de ciências.

Na questão da realização de uma Assembleia Magna de balanço da manifestação na capital, ficou acordado que a reunião seria no dia 18 de Novembro.

Outras moções aprovadas

Alertando para o “período desesperante de espera pelas bolsas” e para a “degradação das residências”, o estudante de Direito Hugo Figueiredo propôs uma reunião entre os serviços de acção social e a direcção-geral, sendo que esta moção também colheu luz verde.

Também aprovada por larga maioria foi a moção que prevê a realização de Reuniões Gerais de Alunos em todas as faculdades e departamentos até dia 18 deste mês, proposta por Henrique Paranhos, da faculdade de ciências. “O investimento do ensino superior não tem sido uma prioridade do governo”, acusou.

Finalmente, a proposta de Hugo Ferreira, de Direito, também teve a maioria de votos a favor. Ficou estabelecida a realização de uma plataforma de debate, definida nos termos que a DG/AAC entender.

Durante a discussão dos pontos dois e três desta AM, foram vários os intervenientes que apelaram à acção. “Não devemos dar tréguas ao ministro”, sentenciou André Rodrigues, de Letras.

No mesmo sentido, o estudante de Letras Manuel Afonso defendeu “uma mobilização construída com uma perspectiva de vitória”. “As grandes manifestações foram gente, com radicalidade, contundência e inteligência”, acrescentou.

Também Fabian Figueiredo salientou a “necessidade de criar uma linha de continuidade para que o ensino superior não caia em desgraça”.

http://www.acabra.net/artigos/ida-a-lisboa-aprovada

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

"A pedido de várias famílias"

Ao fim de algumas conversas sobre o novo e "polémico" logótipo do NES/AAC, a direcção do NES/AAC vem por este meio pedir-vos que enviem até à próxima quinta-feira, dia 12 de Novembro, as vossas sugestões sobre a forma como deveria ser composto o novo logótipo.
Ex: Com ou sem boneco, que tipo de símbolos, o que deverá estar escrito, etc.

O que vos pedimos é que nos enviem as vossas sugestões para que possamos criar um logótipo do agrado de todos.

Este é o desafio que vos propomos para esta semana, PARTICIPEM!!!!!!


Podem enviar as vossas sugestões para o e-mail: nes_aac@live.com.pt ou entregar pessoalmente à direcção.

ATENÇÃO!!!!

O QUE QUEREMOS É PROPOSTAS PARA MELHORAR ESTE LOGÓTIPO, NÃO QUEREMOS UM LOGÓTIPO NOVO.
NÃO HAVERÁ NENHUM LOGÓTIPO NOVO, SERÁ ESTE. AS ALTERAÇÕES PODERÃO SER NO TIPO/TAMANHO DE LETRA, BONECO OU NÃO.

Ass: Raúl Manuel Saltão Guerra

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Resultado da sondagem

A primeira sondagem lançada pelo blog do NES já tem resultados. Relembro que o que queríamos saber era "O que achas-te da Quinzena de recepção aos caloiros?".

Assim sendo os resultados foram, dos 14 votos contabilizados temos um empate, 28% das respostas foram que a quinzena foi muito boa e a mesma percentagem diz que foi mau. Ora assim sendo continuamos sem uma resposta concreta.

Votem nas sondagens propostas pelo NES, queremos a tua opinião para que o nosso trabalho vá de encontro às tuas ideias e expectativas.

Saudações Académicas

A direcção

Novo Logótipo do NES/AAC


Ao fim de algum tempo eis que surge o novo logótipo para o Núcleo de Estudantes de Sociologia da Associação Académica de Coimbra (NES/AAC).

Este logótipo é da autoria da aluna Claudia Filipa de Almeida Capitão.


Deixem o vosso comentário!!!!



quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Boaventura de Sousa Santos condecorado pelo Governo Brasileiro com a Gran-Cruz da Ordem do Mérito Cultural de 2009

Boaventura de Sousa Santos, director do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, foi condecorado pelo Governo Brasileiro com a Gran-Cruz da Ordem do Mérito Cultural de 2009.

Criada em 1995, a Ordem do Mérito Cultural é a mais alta comenda do Governo Brasileiro atribuída a personalidades e instituições que se destacam pelas suas contribuições à Cultura brasileira e mundial.

A condecoração será entregue pelo Presidente Lula da Silva no dia 25 de Novembro de 2009 no Rio de Janeiro, Brasil.

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

[Alunos-FEUC] Tolerância lectiva no dia 27, próxima terça-feira

Informa-se que na próxima terça-feira, dia 27 de
Outubro, far-se-á tolerância à actividade
lectiva, no período da tarde, devido ao tradicional cortejo da Latada.

Com os melhores cumprimentos
José Miguel Nunes

Festa das Latas 2009

Pois é, mais uma latada que começa.
Este ano o NES/AAC está a promover a bela da Ginjinha...

A primeira noite foi um sucesso, muita gente aderiu à nossa ginja, e tu, estás à espera de quê?

A animação é garantida!!!!



As imagens falam por si, noite do sarau académico e muita animação na companhia da ginjinha...

Amanhã há mais...


quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Formação - Monitores de Colónias para Crianças e Jovens em Risco - 16 a 25 Novembro

E tu?: Queres ser Monit@r [In] Risco?


Para ti, que és monitor/a de Colónias de Férias (ou que tens experiência equivalente), a Associação PAR - Respostas Sociais, vem lançar-te o desafio e a oportunidade de poderes trabalhar com um público especial: crianças e jovens acolhidos em Instituição.
Encontrarás nesta formação, um espaço de conforto e saber, onde será enquadrado o tema no contexto da realidade portuguesa com o objectivo de fornecer aos/às monitores/as conhecimentos específicos, técnicos, pedagógicos e relacionais, de forma a proporcionarem actividades lúdico-pedagógicas em contexto de colónias de férias adaptadas ao público em questão.
Ao longo desta formação terás conhecimento sobre:
- O Processo de Institucionalização;
- O Perfil da criança/jovem acolhido/a em Instituição;
- O Papel e função do Monitor/a e Estagiário/a da Colónia de Férias [In] Risco;
- Como Planificar, Monitorizar e Avaliar uma Colónia de Férias [In] Risco.

E aprenderás:
- Técnicas e estratégias de intervenção eficazes.

De forma a:
Promover competências para a autonomia, de forma lúdica e divertida, num contexto
descontraído e não urbano, e de as aplicar numa das colónias promovidas pela Associação Par.
Formação In Risco - 3ª Edição
Local: Rua da Estrela, nº 21, 3º andar | Lisboa
Horário: Dias 16, 17, 18, 23, 24 e 25 de Novembro, das 18h30 às 22h30.
Valor de Inscrição: 60€ (desconto de 10% para sócios - 54€) - Inclui formação e estágio em contexto de colónia.

Data limite de inscrição
: 9 de Novembro (inscrições limitadas a 20 participantes)
Se estás interessado/a preenche a ficha de inscrição (em anexo) e envia para info@par.org.pt indicando em assunto: Inscrição In Risco.
Envia também o teu C.V para validar a tua experiência.

Divulga junto d@s teus/tuas amig@s!
______________________________________________________________________________

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Líderes estudantis bêbados

Estudantes partiram mesas, cadeiras e abriram extintores nos quartos de um albergue de Aljubarrota,causando prejuízos que podem chegar aos dez mil euros. Os próprios colegas ficaram “indignados”
O Fórum AAC, que teve recentemente lugar em Aljubarrota e que juntou líderes dos núcleos, dos órgãos de gestão das faculdades e da Direcção-Geral da Associação Académica de Coimbra, acabou por não chegar ao fim devido a actos de vandalismo, cometidos por estudantes com excesso de álcool no interior da estalagem Cruzeiro.«Na madrugada do segundo dia do Fórum, alguns estudantes, que estavam bêbados, partiram duas cadeiras e uma mesa e abriram os extintores dentro dos quartos e o pó entranhou-se em todo o lado, como por exemplo nas televisões. A parte de cima da estalagem ficou intransitável e houve mesmo pessoas com dificuldade em respirar», afirmou um estudante que participou no Fórum e que pediu anonimato.Os acontecimentos do encontro anual, que debate temas importantes da Academia de Coimbra, surpreenderam os próprios estudantes. «Foi um acto isolado, onde participaram poucas pessoas, e que nos deixou a todos bastante perturbados e indignados», acrescentou a mesma fonte.O Fórum tem três dias, mas não chegou ao fim, uma vez que os actos de vandalismo aconteceram na madrugada do segundo para o terceiro dia, numa altura em que a ordem de trabalhos é colocada de lado para dar lugar a um convívio.Depois dos estragos serem avaliados, os responsáveis da Direcção Geral da AAC juntaram imediatamente os cerca de 80 estudantes que participavam no Fórum. «O ambiente mudou completamente. Houve uma tensão muito grande na sala, foi um bocado complicado», conta ao Diário de Coimbra um dos estudantes.Jorge Serrote, presidente da DG/AAC, confirmou que «aconteceram actos de vandalismo» e garantiu que foram tomadas medidas na hora. «Reunimos toda a gente num compartimento e tentámos logo apurar os responsáveis. Depois concluímos que a continuidade do Fórum estava em causa e tomámos a decisão de ir embora. Tínhamos que tomar uma medida forte e, por isso, telefonámos ao nosso motorista para nos ir buscar a Aljubarrota», contextualizou Jorge Serrote. Eram cinco horas da manhã.
“Autores dos estragos vão pagar os prejuízos”O acto de vandalismo resultou em prejuízos balizados entre os cinco e os dez mil euros, segundo apurou o Diário de Coimbra. «Não são valores baixos», lamentou Jorge Serrote.No entanto, «não vai ser a AAC a pagar», garantiu o responsável. «Há autores dos estragos que já assumiram o erro e que vão pagar os prejuízos. E ainda estamos a investigar outros estudantes», garantiu Jorge Serrote.Os responsáveis da DG/AAC podem agora activar mecanismos para sancionar os estudantes no seio da Academia. «Mas para já não queremos ir por esse caminho», adiantou o presidente da Direcção-Geral da AAC. l
Estudantes vão reunir de novomas desta vez em Coimbra
n Os actos de vandalismo impossibilitaram que a ordem de trabalhos fosse cumprida até ao fim. Ficaram por divulgar as conclusões das reuniões efectuadas. «Agora os diferentes painéis de análise vão reunir em Coimbra, possivelmente na própria AAC, para apresentar as conclusões», adiantou Jorge Serrote.O Fórum AAC, um encontro anual, debate temas importantes para a vida da Academia.Mobilidade estudantil internacional, acção social ou o afastamento dos estudantes universitários da vida académica foram algumas áreas abordadas.A reunião costuma ser uma peça importante para o desenvolvimento da própria Academia, reunindo geralmente estudantes empenhados em ajudar, mas este ano o encontro fica manchado pelos actos de vandalismo. «Preparámos tudo durante semanas a fio e aconteceu isto», lamentou Jorge Serrote.
Bruno Vicente in Diário de Coimbra

“À conversa sobre O Capital de Karl Marx”

O Instituto de Sociologia da Faculdade de Letras da Fundação Universidade do Porto promove o Encontro “À conversa sobre O Capital de Karl Marx”, a propósito da publicação inédita do II Livro em Portugal.
O evento decorrerá no dia 15 de Outubro, na Sala de Reuniões da Faculdade de Letras da Fundação Universidade do Porto, pelas 17h30.
Nesta iniciativa procurar-se-á discutir interdisciplinarmente tópicos da obra mencionada que revistam actualidade e pertinência analítica para a compreensão de actuais dinâmicas sociais, económicas, entre outras.

Oradores convidados:
Manuel Loff (FLUP)
Nuno Nunes (ISCTE-CIES)
Carlos Pimenta (FEP)
Francisco Melo (editor e filósofo)
Organização: João Valente Aguiar (ISFLUP)

[ENTRADA LIVRE]

Lógotipo

Estão abertas as inscrições e entregas de propostas até ao dia 16 de Outubro para a elaboraçao de um Lógotipo para o NES.


Contamos com a vossa participação!


Para envio de propostas ou duvidas mandar um email para: nes_aac@live.com.pt ou telefonar para: 916499088

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Conferência "Pena de Morte - Testemunho de um Inocente"

15 de Outubro de 2009

Anf. 3.1 - FEUC
15 horas


ENTRADA LIVRE

Nota:
Joaquín José Martinez é um cidadão espanhol que esteve quatro anos no corredor da morte nos EUA. Vai contar, na primeira pessoa, o seu drama pessoal a propósito do Dia Mundial Contra a Pena de Morte.


Organização: Aministia Internacional; NEP-CES; FEUC

"The Times" considera Universidade de Coimbra a melhor do país

"A Universidade de Coimbra é, pelo quarto ano consecutivo, a instituição de Ensino Superior portuguesa mais bem cotada no ranking do jornal “The Times”, mantendo-se, à semelhança do ano passado, como a única a surgir entre as melhores 400 do mundo.
No artigo, A Universidade de Coimbra é ainda classificada como a terceira melhor da lusofonia e a sexta melhor da Península Ibérica. Subiu do 387.º para o 366.º lugar, a nível mundial, e do 169.º para o 166.º, a nível europeu.

A Universidade de Coimbra é ainda a única universidade portuguesa referenciada em três dos rankings por área científica também estabelecidos pelo “The Times Higher Education-QS World University Ranking”s: Tecnologia, no 230.º lugar (243.º em 2008); Ciências Sociais, no 231.º (284.º em 2008) e Ciências Naturais, no 239.º (281.º em 2008). A melhor classificação parcial obtida pela Universidade de Coimbra é, porém, na área de Artes e Humanidades, em que surge no 143.º lugar, bastante acima da única outra instituição nacional referida, a Universidade Nova de Lisboa (268.º lugar)."


Estamos todos de Parabens :)

sábado, 10 de outubro de 2009

Recepção ao Caloiro 2009 | 2010

No dia 21 de Setembro de 2009. O Nes bem como os outros estudantes do Curso encontrou-se à porta da Feuc, para dar as boas vindas aos novos alunos.

De manhã:






O Almoço:







À Tarde:





Pedimos desculpas só ter colocado o post agora, mas as fotos só nos foram entregues esta semana. Para quem quiser as fotos da recepçao que envie um mail com o assunto: Fotos da Recepção para o nes_aac@live.com.pt

Ex Presidente no NES lesa o NES em 3.500€

Actual direcção do Núcleo de Estudantes de Sociologia acusa a antecessora do desvio demais de 3.500 euros e de ter exercido funções associativas sem estar inscrita no curso
A candidata Mafalda Pereira, que surge em sexto lugar nas listas da CDU para a Assembleia Municipal de Coimbra, é acusada pela actual direcção do Núcleo de Estudantes de Sociologia da Associação Académica de Coimbra (NES/AAC) de «desvio de fundos, enquanto desempenhava semelhantes funções no ano lectivo anterior.
Em conferência de imprensa, Raúl Guerra e Patrícia Rebelo apresentaram um conjunto de documentação, que indica que Mafalda Pereira terá desviado 3.529,58 euros durante o seu mandato. Recorrendo ao relatório de contas de 2008/2009, a nova direcção esperava começar a trabalhar com os 2.331 euros declarados, no entanto, no banco tem pouco mais do que 185 euros, que ainda nem pode movimentar.Raúl Guerra e sua equipa tomaram posse no dia 3 de Julho e foi-lhes entregue 100 euros, que estariam no cofre. No entanto, qual não é o espanto do jovem estudante quando, já com o extracto bancário na mão, percebe que a antiga colega teria procedido ao levantamento dessa quantia no mesmo dia que o sucessor tomou posse.
Sabendo-se que o presidente que antecedeu Mafalda Pereira deixou um saldo de 3.935,48 euros na conta da Caixa Geral de Depósitos mais mil euros em cofre, alegadamente, não declarados no relatório de 2008/2009, há ainda a apresentação de uma despesa de 2.187,06 euros, que não corresponde ao extracto bancário, que indica 3.774,74. Isto é, para as contas, fica a diferença de 1.487,68 euros. Raúl Guerra frisou ainda que a única iniciativa que deu lucro no polémico mandato foi a “Noite dos Horários”, mas também aqui as contas não batem certo. Mafalda indica o valor de 583 euros, quando o que os quatro núcleos da Faculdade de Economia receberam foi 724,62 euros.Depois, há ainda o investimento de 500 euros para venda de bebidas na altura da Latada, «mas chegou-se ao final da noite com um prejuízo a rondar os 400 euros. Recorrendo a uma “tabela de diferenças” entre o que apresentava o relatório e o extracto do banco, os estudantes de Sociologia chegam à conclusão que, em 2008, Outubro foi o mês em que o “desfalque” terá sido maior: foram declarados 79,14 euros, mas o extracto bancário indica levantamento de 558,19 euros. Em 2009, em Fevereiro, a diferença entre o declarado e não declarado atinge o máximo de 910 euros, com registo em quase todos os meses de pequenas diferenças, que, no total, chegam aos 1.487,68 euros.

Visada não estava matriculada
Somando tudo, os jovens chegam à conclusão que estão a faltar mais de 3.500 euros.Lamentando o que consideram de «gestão danosa», a direcção do NES/AAC veio também a saber que Mafalda Pereira «nunca apresentou qualquer tipo de contas na tesouraria da AAC», o que fez com o núcleo perdesse um conjunto de regalias a que tinha direito. Porque para efeitos fiscais, o ano lectivo de 2008/2009 não existiu, os estudantes de Sociologia perderam, por exemplo, o direito de utilizar gratuitamente os autocarros da AAC.Depois de várias tentativas, a direcção do Núcleo de Estudantes de Sociologia nunca terá conseguido chegar à fala com Mafalda Pereira, no entanto, na sequência da queixa encaminhada para o Conselho Fiscal da Direcção Geral da Associação Académica, apresentada em Setembro, a jovem ter-se-á comprometido em entregar cerca de dois mil euros que alegadamente tem na sua posse.Mas, a história não termina sem que Raúl Guerra descobrisse que a sua antecessora, no ano passado, não estava inscrita em qualquer disciplina, conforme consta de uma informação prestada por uma das professoras coordenadoras do curso de Sociologia.Para já, não há qualquer intenção de se avançar para tribunal, no entanto a direcção do NES/AAC considera que a cidade tinha de saber, antes das eleições, o que se está a passar, «porque a Mafalda andou a brincar com uma instituição com mais de 700 anos, que é a Universidade de Coimbra».Com 185 euros no banco, que ainda não pode movimentar, o Núcleo de Estudantes teve de recorrer à ajuda dos colegas de Gestão para poder dar o apoio de sempre aos caloiros, oferecendo-lhes t-shirts e o tradicional kit. Com a solidariedade da faculdade, Raúl Guerra e Patrícia Rebelo dizem que estão cheios de «força de vontade e motivação» para enfrentar o mandato, mantendo a esperança de receber, pelo menos, parte da verba que dizem ter sido desviada.O Diário de Coimbra tentou obter esclarecimentos de Mafalda Pereira, mas os esforços foram infrutíferos. Da parte do Conselho Fiscal, confirma-se a queixa, no entanto, como o processo se encontra «em análise», este órgão prefere não tecer comentários nesta fase. CDU fala em aproveitamentolamentável do problema«A tentativa de transformar um problema interno da vida associativa num caso com repercussões eleitorais não pode deixar de ser lido como um acto de instrumentalização lamentável», reagiu a CDU. Em comunicado, a Coligação Democrática Unitária critica que só agora, a poucos dias das eleições, a direcção do núcleo tenha decidido fazer eco dos factos, alertando para «os perigos de julgamentos da praça pública».No entanto, garante que serão tomadas providências para o «apuramento definitivo das responsabilidades» e, se se confirmarem as irregularidades apontadas, Mafalda Pereira não assumirá mandatos em nome da coligação.

in Diário de Coimbra

sábado, 3 de outubro de 2009

XIII Congresso Português de Obesidade



Data
19 a 21 de Novembro de 2009

Hotel Tivoli Marina - Vilamoura
Lema

OBESIDADE: Várias Faces, Um Objectivo


Presidente do Congresso

Alberto Galvão-Teles

Comissão Científica

Pedro Teixeira (Presidente)

Carla Lopes

Carlos Costa Almeida

Henrique Luz Rodrigues

Luís Pisco

Manuel Bicho

Pedro Moreira

Comissão Organizadora

José Camolas (Presidente)

António Palmeira

João Vieira

Osvaldo Santos

Paula Bogalho

Teresa Dias
__________________________________


Submissão de Resumos

Já está disponível e até 5 de Outubro a submissão de Resumos para Comunicações Livres (Orais e Posters)


A submissão de resumos é feita exclusivamente online através do preenchimento de formulário digital próprio (aqui). Os resumos não deverão ultrapassar as 300 palavras e deverão estar estruturados em Introdução, Métodos, Resultados e Conclusões, sempre que aplicável. Não deverão incluir quadros nem tabelas.

Após a apreciação, a decisão do júri será dada a conhecer por email aos primeiros autores. A data prevista é 22 de Outubro.

Relembramos que os apresentadores dos trabalhos que vierem a ser aceites terão de estar inscritos no congresso pelo menos até ao dia 1 de Novembro, para que o respectivo resumo seja posteriormente publicado.

Normas para os posters: Títulos em letras maiúsculas; Conter preferencialmente figuras, fotos e gráficos; O texto deve ser visível a 1,5 metros de distância; As dimensões do poster deverão ser de 80 cm de largura e 100 cm de altura, aproximadamente.



sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Saúde em Português promove Curso de Direitos Humanos para Jovens


Estão abertas as inscrições!

Cronograma:
Data da sessão Início Fim
29-10-2009 18:30 22:30
03-11-2009 18:30 21:30
05-11-2009 18:30 21:30
10-11-2009 18:30 21:30
12-11-2009 18:30 21:30
16-11-2009 18:30 21:30
18-11-2009 18:30 21:30
20-11-2009 18:30 21:30
24-11-2009 18:30 21:30
26-11-2009 18:30 21:30
02-12-2009 18:30 21:30
04-12-2009 18:30 21:30
09-12-2009 18:30 21:30

Formadoras e mediadoras:

Sofia Figueiredo: Directora do Departamento Jurídico, Direitos Humanos e Cidadania da Saúde em Português, Técnica Superior responsável do Projecto O Outro Sexo – Plano de Iniciativas para a Promoção da Igualdade de Género e Investigadora Júnior de Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra.

Fátima Gil: Directora Executiva do Departamento Jurídico, Direitos Humanos e Cidadania da Saúde em Português e voluntária do Projecto O Outro Sexo – Plano de Iniciativas para a Promoção da Igualdade de Género.

Mónica Ferreira: Directora Executiva do Departamento de Cooperação e Comunicação da Saúde em Português e Mestranda de Programa de Mestrado em Relações Internacionais com especialização em Paz e Segurança da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra.

Patricia Branco: Investigadora Permanente do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra e Doutoranda no Programa de Doutoramento "Direito, Justiça e Cidadania no séc. XXI" da Faculdade de Direito e Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra.

Paula Casaleiro: Investigadora Júnior do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra e Mestranda em Cidades e Culturas Urbanas da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra.

Anabela Mateus: Mediadora do Projecto O Outro Sexo – Plano de Iniciativas para a Promoção da Igualdade de Género com certificação em Igualdade de Oportunidades.

Ficha de inscrição aqui

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Dia Europeu de Combate ao Tráfico de Seres Humanos - Dia 18 de Outubro

A Saúde em Português, no âmbito do Departamento Jurídico, Direitos Humanos e Cidadania, vai assinalar o Dia Europeu de Combate ao Tráfico de Seres Humanos, dia 18 de Outubro, às 18H30, no Café com Arte, em Coimbra.

Conferência: A indústria automobilística no séc. XXI:

Conferência
A indústria automobilística no séc. XXI:
processos de trabalho no Brasil

15 de Outubro, Faculdade de Economia, Anfiteatro 2.2., 17 horas

Sílvia Araújo

Síntese
A indústria automobilística – paradigmática na adoção da flexibilização organizacional e dos processos de trabalho nos anos noventa – tem provado os efeitos dos mercados globalizados nas relações locais de trabalho e nas instituições do trabalho, suscitando fusões, contrações e articulando diferentes níveis decisórios, além de desenhar um novo perfil de trabalhador. Nesta conferência reflecte-se sobre o papel dessa indústria, tendo por referência os processos de trabalho no Brasil


Nota biográfica
Sílvia Araújo é doutorada pela USP, pós-doutorada pela Universidade de Milão. Presentemente é Professora sénior do Programa de Pós-graduação em Sociologia da Universidade Federal do Paraná (Brasil). Autora e co-autora de diversos livros na área de Sociologia do Trabalho e do Sindicalismo. É conceituada especialista a em questões laborais, nomeadamente no sector automóvel. Ganhou em 2001 o prémio Jabuti na categoria Livro Didáctico.

Livros Publicados
- Eles: a cooperativa. Curitiba: Projeto, 1982.
- 1º de Maio – cem anos de solidariedade e luta. Curitiba: Beija-flor, 1986. (co-autora)
- Jornalismo e militância operária. Curitiba: Editora UFPR, 1992. (co-autora)
- Sociologia: um olhar crítico. São Paulo: Contexto, 2009. (co-autora)

Livros Organizados
- Trabalho e sindicalismo: tempo de incertezas. São Paulo: LTr, 2006.
- Trabalho e capital em trânsito: a indústria automobilística no Brasil. Curitiba: Editora UFPR, 2007.
- O sindicalismo equilibrista: entre o continuísmo e novas práticas. Curitiba: UFPR, 2006.

Organização
Núcleo de Sociologia